Visão Geral

    Práticas de Governança Corporativa

    A Companhia adota procedimentos de governança corporativa alinhados com o Manual de Boas Práticas de Governança preconizados pelo Instituto Brasileiro de Governança Corporativa – IBGC.

    Nesse mesmo sentido, a Companhia está em processo de listagem no segmento especial de governança corporativa Novo Mercado da B3 S.A. – Brasil, Bolsa Balcão, o mais rigoroso dos segmentos de negociação da B3.

    As companhias que ingressam no Novo Mercado submetem-se, voluntariamente, a um conjunto de regras de governança corporativa constantes do Regulamento do Novo Mercado, que foi recentemente revisado e passou a ter vigência em 2 de janeiro de 2018, dentre as quais se destacam:

    • Capital social composto exclusivamente por ações ordinárias;
    • Manutenção de, no mínimo, 25% de ações do capital da companhia em circulação, ou 15% do capital, desde que o volume financeiro médio de negociação das ações da companhia se mantenha igual ou superior a R$25 milhões considerados os negócios realizados nos últimos 12 meses;
    • Não acumulação dos cargos de presidente do Conselho de Administração e Diretor Presidente;
    •  Divulgação da renúncia de administradores via comunicado ao mercado ou fato relevante até o dia útil seguinte à comunicação da renúncia ou da deliberação da destituição;
    • Divulgação simultânea de fatos relevantes, informações sobre proventos e press releases em inglês e português;
    • Apresentação pública de resultados em até 5 dias úteis após a divulgação de informações trimestrais e de demonstrações financeiras;
    •  Atualização do calendário anual da Companhia em caso de alterações nas datas dos eventos, previamente à sua realização;
    • Comunicação mensal da titularidade pelo acionista controlador e pessoas vinculadas de valores mobiliários de emissão da Companhia, inclusive derivativos de liquidação física ou financeira;
    • Previsão estatutária de manifestação prévia obrigatória do Conselho de Administração em qualquer caso de oferta pública de aquisição, em até 15 dias da publicação do edital, com conteúdo mínimo exigido pelo Regulamento do Novo Mercado;
    • Previsão estatutária de aderência à resolução de conflitos via arbitragem;
    • Ter pelo menos 2 conselheiros independentes, ou 20% da composição do Conselho de Administração, o que for maior, caracterizados como independentes na forma do Regulamento do Novo Mercado;
    • Estruturação e divulgação de processo de avaliação do conselho de administração, de seus comitês e da diretoria;
    • Instalação de Comitê de Auditoria com membro especializados;
    • Instalação de uma área de Auditoria Interna na Companhia;
    • Elaboração e divulgação de Código de Conduta, de Política de Remuneração, de Política de Indicação, de Política de Gerenciamento de Riscos, de Política de Transações com Partes Relacionadas e de Política de Negociação de Valores Mobiliários da Companhia.
    Última atualização em
    
    Close